Mais personalidade, por favor!

/ agosto 18, 2017/ COLUNA DA AMABILE

Fazia tempo que não externada meus pensamentos por aqui e hoje resolvi falar sobre personalidade!

Li recentemente em um blog comentários extremamente raivosos sobre o apartamento da atriz brasileira, Bruna Linzmeyer. Você que acompanha o mundo louco da internet, já deve ter visto algum artigo opinando os lados desta história, caso não, indico o texto da Manuela Lopes, do blog Simplichique. Aliás, concordamos com ela em todos os aspectos, obrigada por compartilhar Manuela 😉

Caso você não tenha visto a matéria da Casa Vogue sobre o novo apartamento da atriz, veja abaixo:

nova casa da atriz Bruna Linzmeyer

Mas, vamos ao nosso foco da conversa. Independente de gosto, estilo de decoração, certo ou errado, essa não é a nossa discussão no momento, quero perguntar: onde foi parar a personalidade?

As pessoas decidiram se vestir igual, comer as mesmas coisas, viajar para os mesmos lugares e apostar nos mesmos truques na hora de decorar. De repente o mundo ficou chato demais. Não existem culpados, assim como não existem regras, a bandeira que estou levantando nada mais é que a quase esquecida auto-estima. Literalmente falando, está faltando auto-estima nas pessoas. Veja pelo significado da palavra: Autoestima é a qualidade que pertence ao indivíduo satisfeito com a sua identidade, ou seja, uma pessoa dotada de confiança e que valoriza a si mesmo. E o conjunto dessas qualidades é responsável por criar a sua personalidade! Isso mesmo, seus valores, suas histórias, suas escolhas, seus erros e acertos. A individualidade é tão rica e especial que deveria ser mais valorizada, assim não teríamos tantas cópias vazias espalhadas por aí.

Por isso, siga meu conselho: valorize sua história, valorize suas escolhas. Tenha certeza que elas estarão certas para você e isso é o que realmente importa. Afinal uma casa com alma é muito mais aconchegante e real do que uma cópia de revista. Utilize tudo ao seu favor, dicas, referências, inspirações, bons produtos, mas nunca esqueça que esse espaço chamado casa / vida precisa ser preenchido pela sua essência, por você!