A versatilidade do jardim vertical

jardim vertical na varanda

“Jardins verticais fazem cada vez mais sucesso pela falta de espaço nos apartamentos e residências”, expõe a paisagista Ana Holzer. Eles surgiram para trazer mais vida aos centros urbanos e ainda mudar o visual dos pequenos espaços, pois podem se adaptar a qualquer tipo de ambiente, basta ter luz natural.

A paisagista explica que o diferencial deste tipo de jardim está nos verdes dos vasos e floreiras comuns, que liberam os espaços horizontais. Outra vantagem é conviver com uma parede viva, tendo um pano de fundo natural em casa.

jardim vertical apartamento
Foto: decorcarlacantidio.com.br

Os procedimentos técnicos para a montagem e conservação do jardim vertical são simples. Existem diversas lojas especializadas, que vendem produtos como o Green Wall, peça de cerâmica própria para passar a irrigação automatizada. Outras facilidades são as caixas plásticas, para o assentamento das mudas, e as estruturas metálicas, para o apoio dos vasos. A adubação deve ser feita a cada 3 meses, já que as plantas estão fora do solo original.

jardim vertical
Foto: ecodesenvolvimento.org

Quanto às flores, Ana recomenda espécies mais perenes, que durarão mais tempo. Uma malha de Beijinhos, também conhecida como Maria-sem-vergonha, é uma boa ideia para dar um toque colorido ao painel.

jardim vertical com flores
Foto: flores.culturamix.com

As plantas contribuem com uma atmosfera mais saudável e feliz, por isso, é fundamental ter espaço para a natureza, dentro de casa. Então, fica a dica para quem mora em apartamentos, ou casas com varandas pequenas, e quer ter seu cantinho verde. O jardim vertical é versátil, pois pode se adaptar a diversos ambientes, dando um visual natural e sofisticado. Não importa o tamanho do jardim, mas sim a alegria e bem estar que ele pode proporcionar!

Contato:

Ana Holzer Consultoria e Projetos

ana@anaholzer.com.br